O que é e quais os benefícios da psicoterapia?

É comum que, ao procurar pelo tratamento ideal, você possa confundir algumas especialidades do campo da Psicologia, área que possui uma ampla diversidade. Contudo, neste texto você vai aprender as principais diferenças entre psicoterapia e a psicologia clínica, além de compreender como elas atuam.

Qual o papel da Psicologia?

Antes de compreender o que a Psicologia propõe, é importante dizer que todo ser humano possui comportamentos que se diferenciam de outro indivíduo. Por exemplo, mulheres tendem a ter determinadas atitudes ações que os homens geralmente não têm.

No entanto, o papel da Psicologia entra justamente a partir desse momento, pois o objetivo dela é ir além de uma simples mudança ensaiada de comportamento. Para que seu trabalho funcione, é fundamental focar na construção e reconstrução de sentido acerca da vida, questionar a palavra e todos os atos que você toma.

Assim, quando o profissional estuda a Psicologia e se apropria de seus fundamentos e práticas, ele consegue ampliar as formas de resolução dos problemas. Além disso, o paciente vendo as experiências e os comportamentos com outro olhar, pode tomar consciência das atitudes e, por fim, melhorá-las.

Como funciona a psicoterapia e a psicologia clínica?

Dentre o extenso universo de atuação dessa área, a psicologia clínica e psicoterapia se destacam por controlar seus esforços no bem-estar mental do paciente. A primeira alternativa é que mais sofre com mudanças ao longo do tempo.

A psicologia clínica não se caracteriza pelo local em que são realizadas as consultas, no consultório como antigamente. O destaque dela é pela qualidade da escuta e da acolhida que oferece ao sujeito que passa por problemas emocionais.

Como foi dito, ela está em constante mudança. É por isso que atualmente existem diversas plataformas com atendimentos psicológicos online. Em linhas gerais, a pessoa recebe um olhar diferenciado no momento da consulta. 

O sujeito é visto como um ser singular e que possui um perfil único. Sendo assim, a clínica precisa dar segurança para o paciente compartilhar essas questões mais particulares.

Por outro lado, a psicoterapia se trata da aplicação de técnicas especializadas no tratamento de distúrbios mentais ou problemas de ajustamento cotidiano. A diferença é que para dar início nessa ação, o psicólogo se baseia em alguma abordagem específica.

Há três maneiras básicas de se fazer a psicoterapia: individual, coletiva (ou de grupos) e a institucional, podendo ser realizada em casas de saúde, instituições que costumam ter internos, entre demais opções. 

Vale lembrar ainda que ela é acessível para todos os públicos e idades. Crianças, adultos, idosos, casais, adolescentes e famílias podem se beneficiar desse atendimento. 

Quais os principais benefícios da psicoterapia?

Os efeitos positivos do tratamento podem ser muito individuais em cada caso. Porém, a psicoterapia age como um catalisador no desenvolvimento do suporte social. Ou seja, favorece a diminuição dos comportamentos de inibição ou repressão emocional.

Um outro benefício é permitir o reconhecimento público do impacto dos acontecimentos. Deste modo, o indivíduo assume mais consciência pelas situações traumáticas e conseguem redefinir essas experiências em algo mais saudável.

Onde encontrar o tratamento adequado?

Para ter a melhor ajuda psicológica nesse momento, é importante anotar alguns pontos:

  • Escolha um psicólogo de sua preferência. Ele é o mais indicado para auxiliar nessa jornada;
  • Esteja disposto a ter novos hábitos para o bem da saúde mental e física. Você precisa se abrir e entender a importância de como a terapia o poder de transformar sua vida.

O que é uma crise nervosa? Entenda e saiba como ajudar

Você já ouviu falar em crise nervosa? Esses ataques relacionados ao sistema nervoso tem ocorrido com diversas pessoas, e se tornando mais comum do que imaginamos. 

Esse problema emocional muitas vezes é causado por desentendimentos nos relacionamentos pessoais, situações de pressão excessiva no ambiente de trabalho, e outras situações que podem levar à sensação de estresse.

Devido a sua gravidade é necessário que o indivíduo rapidamente procure formas de combatê-lo. Afinal a crise de nervos indica que as coisas estão fora do controle, sem falar que as suas consequências podem ser desastrosas.

Por esse motivo, recomendamos que se você estiver tendo episódios de ataque de nervos, procure a ajuda de um profissional para que esse desequilíbrio seja tratado, e para que consiga obter mais controle em relação às suas emoções.

Mas, antes leia a nossa matéria, pois explicamos tudo sobre o ataque de nervos, e o que é preciso ser feito diante de uma crise nervosa. Então, confira e saiba mais!

Continue lendo “O que é uma crise nervosa? Entenda e saiba como ajudar”

Saúde mental no trabalho e empatia são chaves para o sucesso

Saiba de que forma a empatia e a saúde mental no trabalho são fundamentais para alcançar bons resultados.

Milhões de pessoas passam por conflitos internos todos os dias, muitas vezes sem que ninguém ao redor saiba. Isso acontece em diversos ambientes, inclusive no trabalho. Por essa razão, prezar pela saúde mental do outro não é apenas saber o que é depressão, ansiedade ou transtorno bipolar. Não se trata apenas de perguntar às pessoas se elas estão bem. É sobre ser humano novamente. Trata-se de mudar nossa cultura e mostrar empatia aos nossos colegas, clientes e líderes. Entenda porque a saúde mental no trabalho é um ato de empatia em vez de simpatia.

Entenda porque a saúde mental no trabalho é essencial para o sucesso

Digamos que você tenha um cliente complicado. Com isso, o gerente de relacionamento da empresa está tendo problemas para lidar com ele. O cliente muda muito de ideia, está sendo rude com os seus funcionários e está impactando a cultura interna de sua equipe. Ninguém quer falar com esse cliente e, de repente, você evita que sua equipe faça certos trabalhos para ele. O que ninguém sabe é que esse cliente em questão tem lidado com depressão por muitos anos. Recentemente, ele piorou porque seus filhos se mudaram e seu casamento começou a desmoronar. Assim, por não saberem como lidar com a situação, o caso tem prejudicado o trabalho dos funcionários.

Clique abaixo para baixar o FalaFreud e agendar sua primeira sessão.

Agora imagine que a sua equipe passou recentemente por um programa de saúde mental no trabalho, ensinando o que realmente significa a saúde mental. Sua equipe entende o impacto de como a vida pessoal pode afetar o trabalho e aprendeu a melhor maneira de lidar com isso.

Portanto, agora em vez de terem dificuldades para lidar com o caso, seus funcionários refletem sobre a situação e tentam entender por que o cliente pode estar agindo dessa maneira. Assim, eles podem começa a mudar sua abordagem da situação.

A abordagem se torna mais empática. Isso porque, eles têm o conhecimento de como nossas mentes e vidas podem refletir em nossas ações. Em resposta, um dos funcionários que participou do programa de saúde mental no trabalho começa a se abrir sobre a própria vida para o cliente e, antes que você perceba, o cliente informa a ele que sua saúde mental não está indo tão bem.

O poder da empatia no trabalho

O que você tem agora é algo que outras equipes não podem oferecer. Isso é chamado de empatia. Mostrar empatia com o seu cliente, colega e/ou funcionário permite que eles busquem a ajuda que precisam. Dessa forma, portanto, você está começando a remover as barreiras que estavam prejudicando sua equipe. Não só você fez a coisa certa para a pessoa que está com problemas pessoais, mas sua equipe também é capaz de gerenciar questões sobre saúde mental no trabalho.

A empatia faz parte de quem somos como seres humanos. Porém, nos tempos modernos, é quase como se tivéssemos esquecido de como praticá-la. Está na hora de mudarmos isso e desmistificarmos a saúde mental.


Não é mais sobre simpatia, é sobre empatia

O FalaFreud tem ajudado empresas a mudarem a maneira como os funcionários e líderes enxergam a saúde mental no trabalho e em suas vidas pessoas. Através de um serviço próprio de comunicação, mais ágil e acessível, estamos fazendo com que a saúde mental faça parte da conversa estratégica das companhias. Invista em terapia para os seus funcionários e veja o benefício que o processo terapêutico pode ter nos resultados.

Fonte:https://www.linkedin.com/pulse/hard-truth-mental-health-workplace-isnt-sympathy-empathy-wilson/

Gostou do conteúdo e quer ler mais sobre Dicas Para Saúde Mental?  Acesse o blog do FalaFreud e leia nosso conteúdo feito por nossos especialistas para você!

Quer falar com a nossa equipe e entregar o FalaFreud para os seus colaboradores? Clique aqui.