Saiba o que é a Síndrome de Asperger

A síndrome de Asperger é um tipo de transtorno neurobiológico que está sendo cada vez mais debatido e falado, afinal esse problema é mais comum do que imaginamos.

As pessoas que possuem a síndrome tendem a perceber o mundo de uma forma diferente e muitas vezes têm um nível de inteligência considerado acima da média. Esse problema está englobado no TEA, o Transtorno do Espectro Autista.

A informação é importante para que as pessoas saibam como se tratar e também compreender o indivíduo que possui a síndrome. Para aprender mais sobre esse transtorno confira o nosso post de hoje!

O que é síndrome de Asperger?

A síndrome de Asperger faz parte dos transtornos globais de desenvolvimento e está bastante relacionada com o autismo, com o transtorno bipolar e com a depressão. A pessoa que tem esse problema possui limitações em relação à comunicação social.

As causas do problema são desconhecidas, mas muitos especialistas do assunto indicam que o transtorno é decorrente de anomalias no cérebro. É válido salientar que a síndrome de Asperger não é decorrente da educação familiar e nem das privações emocionais, a criança já nasce com a síndrome.

Sintomas da síndrome de Asperger

Os sintomas do transtorno podem variar bastante, afinal a síndrome de Asperger pode afetar a pessoa de diferentes formas. Por isso, cada um possui as suas particularidades e o transtorno deve ser tratado de maneira particular. Os principais sinais de que o indivíduo possui a síndrome são:

  • Dificuldade em interagir socialmente. As pessoas que sofrem com esse problema não conseguem manter laços sociais facilmente e possuem limitações na hora de manter uma conversa com outros indivíduos;
  • Comportamentos repetitivos e fora do comum são uma das principais características das pessoas que sofrem com esse problema. Movimentos como torcer os dedos de maneira repetitiva, por exemplo, podem fazer parte do cotidiano do indivíduo que possui a síndrome;
  • As pessoas que têm o transtorno muitas vezes possuem rituais metódicos que dificilmente são alterados por conta do problema. Elas podem ter comportamentos diários iguais todos os dias, como fazer as refeições sempre no mesmo horário;
  • Muitas pessoas que foram diagnosticadas com a síndrome possuem problemas em relação à coordenação motora e por isso podem ter um jeito meio desajeitado de andar e de se comportar;
  • Quem tem a síndrome pode ter talentos excepcionais em diversas áreas: na música, no esporte ou na leitura.

Diagnóstico da síndrome de Asperger

Em relação aos outros transtornos de espectro autista, a síndrome de Asperger é um pouco mais difícil de ser diagnosticada. O problema deve ser identificado por diversos profissionais incluindo psicólogos, psiquiatras e fonoaudiólogos. Devido à dificuldade de diagnóstico, muitas vezes a síndrome só é diagnosticada quando o indivíduo entra na fase adulta.

Tratamento da síndrome de Asperger

Como a síndrome de Asperger não tem cura, é necessário realizar um tratamento que envolve a ajuda de psicólogos e psiquiatras. É válido salientar que o acompanhamento terapêutico é fundamental para o desenvolvimento da criança.

Uma excelente forma de realizar o tratamento sem sair de casa é iniciar a terapia online. Esse acompanhamento é feito via internet e é muito mais prático para a pessoa que precisa de terapia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui